Siga-me por e-mail...

domingo, 1 de abril de 2012

Vazio sem fim

É o vazio no peito
É a tristeza no olhar
É você na cabeça
É seu jeito de amar
Que me deixou perdido nesse lugar
Onde o vazio dá calafrio, a alma se acalma
Esconde-se onde ninguém pode achar
A alma entoa o verso, o beijo, o abraço
Que ecoa e magoa teu jeito em mim
Deixando-me assim num vazio sem fim.

By: José Lucas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela visita e pelo comentário, assim que possível responderei ao comentário...