Siga-me por e-mail...

quinta-feira, 13 de outubro de 2011

Sem que nada tenha acontecido

Também tenho medos, segredos
Alegrias, rancores
Já sofri por amores
Já chorei de saudades
Já tive vontade
De roubarte pra mim
Já cai, levantei
Já amei, me enganei
Ate preferi que não tivesse acontecido
Já ate pensei que não devia ter nascido
Mas pensei, me enganei
Lembrei que nada na vida faz sentido
Sem que nada tenha acontecido
Lembrei-me também que a vida é
Amar, é viver, é sofrer
Errar, aprender
Então nada na vida se tem
Sem que nada na vida se passe.

By: José Lucas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela visita e pelo comentário, assim que possível responderei ao comentário...